25 abril, 2013

PANGEA - The Neverending World

Neste curta de 2009 um filhote de T-Rex vive uma aventura muito radical para quem acabou de sair do ovo. 
Muito legal!


                                    


19 abril, 2013

Dia do índio

Tereguahê porãke!
Hoje é o Dia do Índio, eu poderia postar aqui uma foto dos irmãos Villas-Bôas e demonstrar toda a admiração que tenho por eles. Pela coragem que tiveram em enfrentar o desconhecido e mais além o conhecido e temivel governo brasileiro. Tudo pela preservação daqueles índios, da sua maneira de viver, da sua cultura.
Ou talvez eu poderia protestar contra Belo Monte e dizer que a integração dos índios com o progresso só irá faze-los respirar muita poluição, adquirir doenças, ingerir remédios tarja preta para manter-se tranquilo e não ter um surto psicótico meio ao trânsito caótico, ouvindo a presidente da Petrobras dizer que acha lindo congestionamentos porque é dessa forma que ganha dinheiro, se transformar em um número de estatística mediante os crimes e assaltos, aprender com novelas como fazer artimanhas e intrigas, assistir realitys, dançar Harlem Shake, Gangnam Style, Funk, ter um título de eleitor, ser um cidadão, pagar pra nascer, pra viver e pra morrer, ser governado por corruptos e condenado pela igreja, entre tantas outras coisas que fazem parte da cultura da sociedade moderna.
Mas não, prefiro dar vasão ao meu lado infantil no Dia Do Índio, assim como quando eu coloria aquele indiozinho desenhado no papel sulfite cheirando a álcool saído fresquinho do mimeografo lá na minha primeira série.
Aqui ludicamente claro, uma explicação do porque e como as estrelas surgiram no universo.
Jajo topata!






12 abril, 2013

Into The Wild - a maçã

Não, não vou fazer uma resenha sobre Into The Wild
nem sou boa nisso, mas que o filme inspira os loucos inspira,
os amantes da natureza, os micróbios, os que tem chinelo de pneu.
Quero mesmo é falar daquela maçã, que para mim roubou a cena,
posso até dizer que foi a cena que eu mais gostei com certeza.
Ninguém contracenou melhor com aquele selvagem do que aquela maçã, 
foi a melhor cena de amor faminto que eu já vi nos cinemas.
Mulheres não chorem, mas a melhor cantada do mundo foi para... a Maçã do Into The Wild!




"Você é muito boa, é umas cem mil vezes melhor que qualquer maçã que eu já comi, não sou o super homem, sou o super mendigo, você é a super maçã, é tão saborosa, tão orgânica, tão natural, é a maçã da minha vida."


05 abril, 2013

Brooke Shaden

Esse seria um mundo que dificilmente eu teria acesso se não fosse a internet, o mundo de Brooke Shaden, sua criação também está em novos mundos criados por suas fotografias. Nelas sua visão se estende além da câmera, criando imagens que parecem pinturas surrealistas de uma época que não é a nossa. Como ela mesma diz em seu site, cada imagem é uma história.
De uma qualidade e sensibilidade incrível.





mais no site oficial de Brooke Shaden http://brookeshaden.com/gallery/

04 abril, 2013

Destino


Destino, um curta que mostra com toda a surrealidade de Salvador Dalí a história de Chronos, a personificação do tempo e a incapacidade de realizar seu desejo de amor por uma mortal. 
As cenas misturam uma série de pinturas surreais de Dalí com dança e metamorfose.
Destino, foi produzido por Salvador Dalí e John Hench durante 8 meses entre 1945 e 1946. Por algum tempo, o projeto permaneceu secreto para grande parte do estúdio Disney. 
Os personagens estão lutando contra o tempo, o gigantesco relógio solar que emerge da grande face de pedra de Júpiter e que determina o destino de todos os romances humanos.
Dalí declarou: "Animação realça a arte, suas possibilidades são infinitas."
O projeto foi cancelado devido a problemas financeiros que o estúdio enfrentava após a 2ª Guerra Mundial, mas em 1999, Roy Edward Disney, o neto, chamou o estúdio parisiense da Disney para finalmente continuar o trabalho.
O enredo do filme foi descrito por Dalí como "Uma exposição mágica do problema da vida no labirinto do tempo". Já Walt Disney dizia que era "Uma simples história sobre uma jovem garota em busca do seu amor."
A música é do compositor mexicano Armando Dominguez interpretada por Dora Luz.
Muito lindo.

fonte do texto: internet




Destino (HD) from Jordi Bou on Vimeo.